vrijdag 6 november 2009

5 november (5): português

Obama diz a indígenas americanos: "Vocês não serão esquecidos"

WASHINGTON (Reuters) - O presidente Barack Obama prometeu na quinta-feira a líderes indígenas norte-americanos acabar com o descaso e as promessas não cumpridas do governo em relação às tribos, e afirmou: "vocês não serão esquecidos".

Obama, que contou com grande apoio indígena na eleição presidencial do ano passado, cumpriu uma promessa de sua campanha ao levar para Washington centenas de representantes de tribos indígenas reconhecidas, que apresentaram suas reivindicações a altos funcionários do governo.

Reconhecendo a relação historicamente difícil com os índios, Obama prometeu trabalhar com os líderes tribais para enfrentar problemas de saúde, criminalidade, educação e meio ambiente.

"Poucos grupos foram mais marginalizados e ignorados por Washington, e por tanto tempo, quanto os indígenas, os primeiros americanos", disse Obama. "Estou totalmente comprometido em forjar com vocês um futuro novo e melhor".

"Vocês não serão esquecidos enquanto eu estiver nesta Casa Branca", disse ele a uma multidão de mais de 500 pessoas reunida no Departamento do Interior.

A maioria das pessoas trajava roupas de trabalho convencionais; alguns usavam ornamentos tradicionais na cabeça, coletes bordados e penas nos cabelos.

Um líder tribal do estado norte-americano de Wisconsin deu a Obama o nome indígena de "Aquele que Cuida dos Outros", e um homem que usava enfeites de guerra na cabeça disse ao presidente que queria dar o enfeite a ele.

Em uma sessão de perguntas e respostas, várias pessoas agradeceram a Obama por tentar restaurar a confiança das tribos, mas pediram que ele fizesse mais.

Obama falou de sua própria trajetória, observando que nasceu de mãe adolescente e que foi abandonado pelo pai quando tinha dois anos de idade.

"Entendo o que significa ser um outsider", disse.

Observando que o desemprego em algumas reservas indígenas chegava a 80 por cento e que um quarto dos indígenas americanos vive na pobreza, Obama assinou diante da plateia um memorando presidencial instruindo membros do gabinete a apresentarem, no prazo de 90 dias, propostas para melhorar as relações com as tribos indígenas.

Ele disse que o documento vai reativar uma ordem da época de Bill Clinton que foi ignorada pela administração de George W. Bush.

Geen opmerkingen:

Een reactie plaatsen